GRACILIANO: O REGIONALISMO DE 30, A SITUAÇÃO POLÍTICA E SUA LINGUAGEM DE VIDA LITERÁRIA

  • José Ferreira Lopes Neto SEDUCE
  • Ana Angêla Sanches Andreu UFG
  • Janete Martins Medeiros SEDUCE

Resumo

Sedimentada a ideia de que o mundo fora do sertão parece ser o ideal, Vidas Secas nos traz um momento reflexivo que transcreve a incessante busca do ser humano por uma vida melhor, um lugar onde ele possa sentir-se parte de um todo, parte do próprio local onde vive, e suas respectivas noções de bem-estar. O presente trabalho tem por objetivo ler a crítica social nas entrelinhas da obra descrita, de forma a evidenciar a vivência dos retirantes do sertão nordestino. Lugar este em que pouco se via ou falava, e o nada que lhes era oferecido ainda era dividido com o governo, o que lhes proporcionava uma vida ainda mais seca. Seguindo fundamentalmente os pressupostos teóricos de Bosi (1975), analisar-se-á a realidade baseada nas vidas secas da região nordeste, além da política engajada de Getúlio Vargas. Por meio de uma leitura crítico reflexiva foram levantadas as passagens que denotam uma literatura voltada para o aspecto social.


ABSTRACT: Dry lives the idea that the world outside of the interior seems to be the ideal, the Vidas Secas brings a reflective moment that transcribes human incessant search for a better life, a place where it can be part of a whole part of the place where it lives, and its notions of the well-being. This monograph aims to describe the subtext of the social criticism in the work described, in order to highlight the experience of migrants from the interior of the Northeast. It’s a place where little has been seen or has been spoken, it hasn’t been divide by the govern ment anything that was offered, that gove them a life even drier and poorer. Essentially following the theoretical assumptions of Bosi (1975), it will examine the reality based on the lives of the dry northeast and the policy of engagement during Getulio Vargas. Through a critical reading passage that was lifted throughout a literature focused on the social aspect.


KEYWORDS: Vidas Secas. Graciliano Ramos. Man and society.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Possui graduação em Letras - Português e Inglês pela Universidade Estadual de Goiás(2011). Atualmente é educador da Escola Municipal Agmar Fernandes Balieiro. Tem experiência na área de Letras.

##submission.authorWithAffiliation##

Orientadora. Possui graduação em Letras pela Universidade Estadual de Goias (1991). Especialização em Literatura Brasileira pela a Universo (1996) E especialização em Métodos e Técnicas de Ensino pela Universo (1994) e Mestrado Profissional em Educação Pisicanálise e Sociedade pelo INSET2008. Professora com experiência na área de Letras, com ênfase em Literatura e Língua Portuguesa, atuando principalmente nos seguintes temas: poesias e educação. (janetem2@hotmail.com).

Publicado
2020-07-09
Como Citar
LOPES NETO, José Ferreira; ANDREU, Ana Angêla Sanches; MEDEIROS, Janete Martins. GRACILIANO: O REGIONALISMO DE 30, A SITUAÇÃO POLÍTICA E SUA LINGUAGEM DE VIDA LITERÁRIA. Web Revista SOCIODIALETO, [S.l.], v. 10, n. 29, p. 87 - 100, jul. 2020. ISSN 2178-1486. Disponível em: <http://sociodialeto.com.br/index.php/sociodialeto/article/view/249>. Acesso em: 03 dez. 2020.