UM ESTUDO SOBRE VARIAÇÃO LINGUÍSTICA NO WHATSAPP

  • Ana Maria Salvador UEMS
  • Adriana Lúcia de Escobar Chaves de Barros

Resumo

O objetivo do presente trabalho é analisar a variação linguística encontrada no processo comunicativo oportunizado no aplicativo de mensagem WhatsApp, no 9º ano de uma Escola Municipal de Campo Grande – MS. Com o desenvolvimento e popularização da tecnologia, ocorreu o nascimento dos gêneros virtuais e, consequentemente, uma transformação no modo de utilização da língua e da linguagem. O crescimento do uso de smarthphones e do meio de comunicação sincrônico e assincrônico, WhatsApp, é possível perceber que a população tem escrito e lido mais, adequando-se às peculiaridades comunicacionais da atualidade, principalmente, na rapidez no ato de receber e enviar mensagens. O novo ambiente de comunicação trouxe hábitos que se tornaram típicos aos textos virtuais, criando assim uma nova variedade linguística - o internetês. Utilizado tanto por jovens quando por adultos, os gêneros virtuais têm transformado a comunicação, alcançando o âmbito escolar e trazendo a necessidade de uma inovação na forma de ensino. Um dos maiores cobrados nessa mudança é o professor, que ainda reluta em trazer para a sala de aula gêneros que se tornaram básicos na comunicação da sociedade atual.  A partir dos estudos de Alkmin (2001), Camacho (2001), Marcuschi (2008), dentre outros, vamos analisar a variante usada pelos alunos, por meio dos prints das respostas dadas no trabalho proposto pelo professor.


ABSTRACT: The aim of this paper is to analyze the linguistic variation found in the communicative process provided by the WhatsApp messaging application, in the 9th grade of a Campo Grande - MS Municipal School. With the development and popularization of technology, the birth of virtual genres occurred and, consequently, a transformation in the use of language. The growing use of smarthphones and the synchronous and asynchronous means of communication, WhatsApp, it is possible to realize that the population has written and read more, adjusting to the communicational peculiarities of today, especially in the speed of receiving and sending messages. The new communication environment has brought habits that have become typical of virtual texts, thus creating a new linguistic variety - internetese. Used by both youth and adults, virtual genres have transformed communication, reaching the school environment and bringing the need for an innovation in the form of teaching. One of the biggest charges for this change is the teacher, who is still reluctant to bring into the classroom genres that have become basic in today's society's communication. From the studies of Alkmin (2001), Camacho (2001), Marcuschi (2008), among others, we will analyze the variant used by the students, through the prints of the answers given in the work proposed by the teacher.


KEYWORDS: Linguistic Variation. Whatsapp. Internet.

Publicado
2020-07-09
Como Citar
SALVADOR, Ana Maria; DE ESCOBAR CHAVES DE BARROS, Adriana Lúcia. UM ESTUDO SOBRE VARIAÇÃO LINGUÍSTICA NO WHATSAPP. Web Revista SOCIODIALETO, [S.l.], v. 10, n. 29, p. 46 - 65, jul. 2020. ISSN 2178-1486. Disponível em: <http://sociodialeto.com.br/index.php/sociodialeto/article/view/242>. Acesso em: 03 dez. 2020.