PRÁTICAS DE MULTILETRAMENTO EM LÍNGUA PORTUGUESA COM O USO DE TECNOLOGIAS PARA O ENSINO DE DISCENTES SURDOS

  • Rosana Araújo Rocha Universidade Federal do Maranhão
  • Heridan de Jesus Guterres Pavão Ferreira UFMA

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar investigar como as práticas de multiletramento em Língua Portuguesa estão sendo desenvolvidas no ensino de discentes surdos com o uso de tecnologias. A pesquisa de caráter qualitativo, tem como instrumento metodológico a pesquisa bibliográfica, tendo como pretensão oferecer ao pesquisador uma possibilidade na busca de resolução para o seu problema de pesquisa. Investiga-se a partir de conceitos teóricos especificidades de práticas de multiletramento em língua portuguesa no uso de tecnologias com discentes surdos, para tal dividi-se em: elementos introdutórios; o letramento no processo de educação de surdos; multiletramento e língua portuguesa na educação de surdos. Refletiu-se também, os processos de Multiletramento de surdos utilizados na escola. Foi possível perceber o quão necessário é explorar multiletramentos na escola e, mais especificamente, o multiletramento de surdos. O que significa refletir mais atentamente sobre o papel da linguagem, dos sujeitos e da sua relação com as práticas de multiletramento em Língua Portuguesa na escola. Aqui, evidencia-se novamente a urgência de se pensar a escola como um espaço de formação social identitária, que ajude o discente surdo a se desenvolver e se comunicar amplamente em sua língua. De modo a fundamentar teoricamente o trabalho escolheu-se ROJO (2009); ROJO, MOURA (2012) e SOARES (1988).


ABSTRACT: The aim of this paper is to analyze how Portuguese language multiliteration practices are being developed in the teaching of deaf students using technologies. The qualitative research has as its methodological instrument the bibliographic research, with the intention of offering the researcher a possibility in the search for resolution to his research problem. It is investigated from theoretical concepts specificities of Portuguese language multi-practice practices in the use of technologies with deaf students, for this it is divided into: introductory elements; literacy in the deaf education process; multiliteration and Portuguese language in deaf education. It was also reflected, the deaf Multiletration processes used in the school. It was possible to see how necessary it is to explore multi-skills at school and, more specifically, the deaf multi-literacy. This means reflecting more closely on the role of language, subjects and their relationship with Portuguese language multiliteration practices in school. Here again the urgency of thinking of the school as a space of social identity formation, which helps the deaf student to develop and communicate widely in their language, is highlighted. In order to theoretically substantiate the work was chosen ROJO (2009); ROJO, MOURA (2012) and SOARES (1988).


KEYWORDS: Multiliteration. Deaf. Portuguese language

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Doutorado em Educação. Graduada em Letras Português-Inglês. Professora do Curso de Letras Libras/UFMA. Desenvolve pesquisas sobre Língua Portuguesa como L2 para surdos, assim como sobre cultura popular e identidade surda.

Publicado
2020-07-07
Como Citar
ROCHA, Rosana Araújo; FERREIRA, Heridan de Jesus Guterres Pavão. PRÁTICAS DE MULTILETRAMENTO EM LÍNGUA PORTUGUESA COM O USO DE TECNOLOGIAS PARA O ENSINO DE DISCENTES SURDOS. Web Revista SOCIODIALETO, [S.l.], v. 10, n. 28, p. 281 - 292, jul. 2020. ISSN 2178-1486. Disponível em: <http://sociodialeto.com.br/index.php/sociodialeto/article/view/230>. Acesso em: 14 abr. 2021.